Dia #79 Descobrindo as suas cores

Hoje é muito fácil saber qual é a minha paleta de cores. É só abrir meu guarda-roupa e ele já diz tudo. Na hora de pegar mais de 200 peças e escolher só 50, ficou claro que eu escolhi as que eu sabia que ficavam melhor em mim. E todas (t-o-d-a-s) eram cores frias. Coincidência? Claro que não.

Nossa pele tem tons que combinam mais com algumas cores específicas. Há muitas técnicas para descobrir quais são as suas (aqui tem um passo a passo), mas eu confio muito no instinto. Gente, os olhos não mentem. Qual cor deixa você mais iluminada? Qual cor você se sente mais bonita quando usa? Amarelo? Vermelho? Azul? Rosa? Verde?

Isso não tem necessariamente a ver com o seu gosto pessoal. Minha cor preferida, por exemplo, é amarelo. Amo demais. Mas não tenho nenhuma peça desta cor porque quando eu uso fico completamente apagada. Não rola mesmo. Se você, ao contrário, fica radiante de amarelo, então, gata, sua cor é quente.

É mais simples do que parece e depois que a gente aprende a se observar melhor, passa a comprar coisas que realmente funcionam e nos favorecem. Aqui, está a paleta de cores do meu armário hoje:

FullSizeRender

Olhando assim, pode parecer baixo astral, mas eu sempre dou uma levantada com acessórios ou batom vermelho rosado (literalmente! sempre misturo batom pink com vermelho, porque cai melhor em mim – deixa até os dentes mais brancos, gente! se você tem a pele fria como a minha, vale a pena experimentar).

IMG_2744

IMG_2740

IMG_2738

Veja outros looks com as peças usadas hoje!
camiseta renda
calça jeans

Anúncios

Dia #44 Bolsa pequena

Uma amiga outro dia perguntou se eu realmente uso essas bolsas pequenas no meu dia a dia. Claro que sim. Tentar adotar uma vida mais minimalista também envolve não sair de casa cheia de coisas sem necessidade. Normalmente, minha vida na rua exige apenas celular, carteira, chaves, batom e escova de dentes e tudo isso cabe nessas bolsinhas.

Claro, isso tem a ver com a minha personalidade (o tipo que sai de casa sem guarda-chuva) e o meu estilo de vida (não preciso percorrer grandes distâncias pela cidade, etc). Mas independente das suas necessidades, vale pensar se você poderia reduzir o peso que carrega todos os dias. Uma coisinha aqui, outra ali, de repente você consegue andar por aí  mais leve.

Eu lembro de um trecho de Livre (livro tudo de maravilhoso, escrito pela Cheryl Strayed, de quem virei fã) em que um cara experiente em trilhas começa a tirar coisas “desnecessárias” da mochila dela. Tirou até chiclete, papel, camisinhas extras. E, acredite, ela estava percorrendo 1.800km de territórios inóspitos e precisava mesmo de tudo aquilo. Não vai ser você, ao passar o dia fora pra trabalhar, que vai precisar carregar a casa nas costas 🙂

IMG_8886-2

Veja outros looks com as peças usadas hoje!
camiseta renda
short-saia preto

Quais são as 50 peças

Aqui estão catalogadas todas as 50 peças de roupa que vão fazer parte do desafio. Elas também estão listadas aqui no lado esquerdo da página, onde você pode clicar em cada uma para ver os looks que já foram feitos com a peça 😉

50-pecas

Dia #10 Fazendo a romântica

Meia-calça de bolinha, sapatilhazinha, camiseta de rendinha, tudo muito inha. Precisamos de um batom escuro nisso para equilibrar. Porque posso até ser romântica, mas não bobinha. 

É preciso sempre um coturno, uma jaqueta de couro, um blazer, um jeans, um batom qualquer para quebrar o açúcar 😉

IMG_2999

IMG_3001

IMG_2993

IMG_2997

Veja outros looks com as peças usadas hoje!
camiseta renda
short de alfaiataria preto